quarta-feira, 7 de fevereiro de 2024

// rememorando janeiro

Janeiro foi um mês muito bom. Vivi muita coisa legal tipo assistir um stand up do Ronald Rios, que eu acompanho desde o Badalhoca. E ele foi muito receptivo! Depois do show fui fazer uma foto com ele e aproveitei pra contar um pouco da minha trajetória acompanhando a carreira dele, e ele disse "então vamos fazer fotos históricas".  


Gente, ele é muito alto! Eu tenho 1,54cm e ele disse que acha que tem 1,98cm. Olha como fiquei minúscula ao lado dele 😂😂😂 Adorei todas as fotos 😍


No mesmo dia também assisti o Tiago Santineli, mas eu já tinha assistido o show dele quando ainda tava em Belém, em janeiro de 2023. Só que dessa vez foi muito mais intimista porque o local era pequeno, aí passa aquela impressão de SOMOS AMIGOS kkkkk (na minha cabeça, ok). Uma parte do show foi com texto novo. Ah! E também assisti de novo o Abner Henrique. O que foi uma grande surpresa, porque eu achava que ia assistir só os shows do Ronald e do Tiago, mas eles colocaram outros 6 comediantes pra abrirem o show deles. Eu adorei! Só foi meio complicado isso ter sido numa segunda-feira, porque acabou complicando meu sono já que saí de lá uma hora da manhã. Mas foi incrível. E dessa vez consegui fazer foto com o mestre.

Tô bem feliz de ter conseguido fazer meu primeiro vídeo pro document your life 🥳 vou deixar ele aqui embaixo pra quem quiser ver. Algumas das coisas mencionadas nesse post aparecem no vídeo.

 

Fui ao cinema assistir o filme dos Mamonas Assassinas, que marcaram muito minha infância. Eu tinha 4 anos quando eles morreram e tenho a memória de estar na sala de casa assistindo o plantão da Globo e chorando MUITO com a notícia da morte deles. É a memória mais antiga que tenho, inclusive. E pela descrição que dei pra minha mãe, é real mesmo. Mas voltando a falar do filme: ele não é bom :( a edição é péssima e parece que nem tinham um roteiro, porque as coisas só vão acontecendo por acontecer e de repente chega no acidente de avião. Não vale pra gastar dinheiro no cinema, mas vale assistir em casa pela nostalgia.

Agora em janeiro foi a primeira vez que usei a programação de posts aqui no blog, por isso que algumas vezes saía post novo e eu nem tinha aceitado os comentários do anterior 😅

O balanço geral de janeiro ficou assim:

Livros lidos

  1. As egocêntricas maldições do Souichi (terminei de ler depois de meses), do Junji Ito
  2. Siga em Frente (li pela 3ªvez), do Austin Kleon
  3. GYO, do Junji Ito
Filmes assistidos
  1. Meninas Malvadas (reassisti pq meu namorado queria rever pra gente poder ver o "novo")
  2. Mamonas Assassinas
  3. A Sociedade da Neve
  4. Doutor Sono
Animes assistidos
  1. Jujutsu Kaisen
  2. Spy Family
Séries assistidas
  1. It's Always Sunny in Philadelphia (temporadas 7, 8, 9 e 10)
  2. Tha Mandalorian (3ª temporada)
  3. Ozark (3ª temporada)
  4. True Detective (4ª temporada que tá saindo semanalmente na HBO)
Esse ano eu me comprometi a fazer 24 coisas diferentes 24 vezes (tô montando a página lá no topo do blog), e uma das coisas é conhecer novos artistas. Eu sou a pessoa que prefere ouvir as mesmas coisas porque minha mente já sabe de cor e salteado o que vem pela frente, sabe?! O que dificulta bastante conhecer novos artistas. Eu já fiz esse mesmo desafio musical em 2015, no meu finado Listography, e foi muito bom porque conheci bandas que amo até hoje. Aliás, o desafio é conhecer e gostar dos novos artistas, curtir aquele som de verdade. Senão fica muito fácil chegar e ouvir qualquer playlist do Spotify no aleatório e zerar a lista dos 24 artistas no mesmo dia.
Alguns dos artistas que conheci, e ouço até hoje, no desafio de 2015 foram:  Wolf Alice, The Dø, Tame Impala, Placebo, Vivendo do Ócio, Portishead e Massive Attack. Inclusive tô escrevendo tem meses um post de meet the artist pra The Dø, Vivendo do Ócio e Portishead. Mas uma hora vai sair um post do jeitinho que cada um merece.

Mas voltando pra 2024: eu tive a sorte de conhecer dois artistas esse mês. O que seria a média do mês pra completar os 24 artistas, já que são 12 meses. O primeiro artista que conheci foi o JID, num story do Ronald Rios, inclusive. Ele é um rapper. E uma coisa que eu ainda não tinha mencionado aqui é que eu simplesmente amo hiphop, e é um gênero musical que escuto muito. Mais alguém por aqui curte hiphop/rap?



A segunda artista que conheci foi Lola Young. Alguém compartilhou um story com uma música dela e eu simplesmente amei e fui ouvir tudo. Ela tem uma voz muito potente e o som é bom demais pra ignorar. E os clipes... AH! E os clipes! Não tem como ouvir só a música. Tem que ser assistindo ao clipe. Eu tô muito encantada com ela, com a estética, a voz, a maquiagem. E Concenteid foi a música que mais escutei em janeiro, de tão viciada que eu tô 😂 Ela é uma artista meio nova, não achei nem Wikipédia dela.



Se mais alguém curtiu algumas dessas músicas dela, deixo a dica de irem lá no canal dela pra conhecerem melhor: Lola Young - YouTube.


Dia 29/01 meu irmão me ligou tarde da noite pra dizer que nossa Olivia Dunham faleceu. Ela tava lutando contra uma dirofilariose, mas tava tudo bem. Tinha refeito os exames em dezembro, enquanto eu ainda tava lá em Belém, e deu tudo dentro do aceitável. Não tava curada, mas tava bem. Meu irmão disse que ela não tava comendo direito tinha uns dias, mas no dia 29 ela acordou e fez coco ao lado da cama dele, então ele levou ela pro pet shop em que ele trabalha (ele se formou em veterinária no final de 2023). E lá ela teve uma parada cardiorrespiratória e se foi. Ela não sofreu, só fechou os olhinhos.
Eu tô bem triste, mas confesso que deve ter sido muito pior pro meu irmão. Deve ser muito pesado ver um animalzinho tão lindo e indefeso partir, ainda mais sendo a nossa Olivia, que levei pra casa quando ele ainda tinha 12 anos. Eles cresceram juntos, sabe?! Isso significa muito. 



Mas agora chega de escrever porque já tem uns 3 dias que tô escrevendo esse post. Já tá na hora dele ir pro mundo! Que fevereiro seja muito bom pra todo mundo que passar por aqui ^^  1bj


4 comentários:

  1. Sabe que tem pipocado humorista de standup no meu feed do Youtube e fiquei com vontade de ir num show? Eu fui num de iniciantes e ri bastante, queria ir num dos profissionais hehehe
    Os Mamonas marcaram muito a minha infância também, com as letras de avacalhação pura escancarada.
    Eu assisti Spy x Family! "Waku waku" :D Confesso que teve horas que me deu ranço das patetices da Anya mas melhorou quando veio o catioro <3
    Falando em doggo, meus pêsames pela Olivia. Perder um pet querido nunca foi fácil... a labradora da minha irmã tinha 13 anos quando se foi e até hoje dói um pouquinho lembrar de como foi no final. Espero que seu irmão fique bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Amanda ♥ Ele tá melhor agora, e vamos guardá-la pra sempre em nossos corações ♥
      Eu digo pra vc ir logo em um show de stand up, mas antes encontre alguém que vc curte o humor, pq antes eu dizia que nao gostava de stand up, mas era pq eu conhecia as pessoas erradas e sem graça kkkk depois eu conheci as pessoas certas e engraçadas e isso mudou tudo.
      Obrigada pela visita. 1bj

      Excluir
  2. Oie, Camila! Minha primeira vez comentando aqui :) Quis aparecer só pra dizer que achei as fotos incríveis!!! Combinaram com você ter dito que viveu muita coisa legal em janeiro! Também adorei seu vídeo, traz uma sensação boa. Sobre o filme dos Mamonas, tive essa impressão antes de assistir, só pela divulgação :( Mas, como você disse, acho que deve valer pela nostalgia. Nunca tinha pensado transformar uma vontade de escutar coisas novas em desafio - acho que por aqui só vai funcionar desse jeito mesmo (também sou de escutar as mesmas coisas) hahah. Só de ver quem você conheceu no desafio de 2015: Portishead e Massive Attack... - bom demais! <3 E sinto muito por Olivia. Ela era muito linda, com olhos gentis! Tenho certeza que deve ter sido um privilégio compartilhar esses anos com ela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi um privilégio enorme, Maria ♥ ela foi meu primeiro pet da vida, marcou demais.
      Pois é, eu dei um voto de confiança pro filme e levei na cara kkkkk mas é a vida.
      Legal encontrar mais pessoas que curtem Portishead e Massive Attack :D
      Obrigada pela visita. 1bj

      Excluir

Deixe um comentário legal :) e não esqueça de deixar o link do seu blog pra que eu possa te visitar depois